Comunistas.info
Comunistas.info
Comunistas.info
INSCRI«√ONEWSLETTERLINKSCONTACTOS.
QUEM SOMOS
ACTUALIDADE
-
27 DE MARÇO DE 2007, TER√áA FEIRA
FONTE: Diário de Notícias
POR: Paula S√°
"O nosso objectivo é o de promover a convergência das forças de esquerda"!
Entrevista de Carlos Brito ao DN
"Estou céptico em relação ao PCP, mas é preciso tentar..." Entrevista com Carlos Brito
Bateu com a porta no PCP, partido em que militou e desempenhou os mais altos cargos, depois de Jerónimo de Sousa ter sido eleito secretário-geral do partido. Fundou o movimento Renovação Comunista, com outros dissidentes. Movimento que este fim-de-semana evoluiu para uma associação presidida pelo médico Paulo Fidalgo.

O que impediu a Renovação de se transformar num partido?

Entendemos que n√£o era oportuno e adequado. Com a associa√ß√£o queremos promover a reflex√£o sobre os caminhos do comunismo no mundo e participar na vida pol√≠tica nacional atrav√©s de iniciativas sobre as dificuldades dos trabalhadores e dos que t√™m condi√ß√Ķes de vida mais prec√°rias.

Mas um partido político tem mais margem de manobra para tentar transformar a sociedade.

O nosso objectivo é o de promover a convergência das forças de esquerda e ajudar a coordenar essas forças na procura de melhores políticas para o País. Para isso, a associação tem que ganhar peso e força, o que só se consegue depois de muito trabalho e de muitas iniciativas.

E que forças inclui nessa convergência à esquerda?

Queremos convergir com o PCP, o sector mais √† esquerda do PS, que est√° genuinamente preocupado com as m√°s condi√ß√Ķes do Pa√≠s, e, naturalmente, com o Bloco de Esquerda.

√Č poss√≠vel incluir o PCP, que acabou por afastar figuras de proa como Carlos Brito da sua milit√Ęncia, nessa converg√™ncia?

Estou um bocado céptico em relação ao PCP, mas é preciso tentar sempre... Desde que o movimento de Renovação Comunista se constituiu, fizemos convites ao PCP para se fazer representar em várias iniciativas. Só o fez num debate, há cerca de um ano, sobre o primeiro secretário-geral do PCP, Bento Gonçalves.

Diz-se que a Renovação pode vir a ser absorvida pelo Bloco de Esquerda.

Não creio. Cada um de nós pode é participar como quiser na vida política. A associação foi criada precisamente para se distinguir das restantes forças políticas e não para se confundir com elas.


 

O seu coment√°rio
Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório

Digite em baixo os caracteres desta imagem

Se tiver dificuldade em enviar o seu coment√°rio, ou se preferir, pode enviar para o e-mail newsletter@comunistas.info.